Cada um tem a sua…

Padrão

Além dos quilos que venho ganhando nos últimos meses, outra coisa que sempre me pega pelas orelhas é o tempo que estou sem escrever pro Palavra. Por um milésimo de segundo pensei em ver os arquivos e checar quantos meses eu não posto nada, mas desisti porque seria a mesma experiência de ver fotos minhas de seis meses ou 1 ano atrás. Ou seja, vergonhoso frustrante. Passado o momento de descontrole sobre sua própria disciplina reflexão, vou me atrever a tentar escrever novamente.

Ontem na aula de Naming, o professor disse que uma marca possui atributos dignos de uma pessoa e que todos eles podem evoluir durante sua história (exceto o nome) e que quando pensamos em Mc Donalds, Coca-Cola, Mercedes, etc, nos vem algo à cabeça que caracteriza sua marca. Sempre. E aí comecei a imaginar cada pessoa que eu conheço e tentar relacioná-la a alguma coisa. Cor, estilo, letra, cheiro, frase, fato, som… qualquer coisa. E achei bem difícil.

Aí, depois de percorrer personagens da família, amigos mais próximos, colegas de trabalho e companheiros da faculdade aqui, cheguei em mim. E, claro, a dificuldade não foi menor e isso me assustou um pouco. No dia anterior, na aula de Ponerse nerviosa al hablar en público Presentaciones efectivas y creativas, tivemos que nos apresentar dizendo algo sobre nós que nos tornasse inesquecíveis para os outros colegas (e para a câmera. Ok, essa é a pior parte) que nos assistiam aflitos porque a vez de cada um estava chegando ansiosos e atentos. Resumindo: “apresente sua marca!” WTF vou dizer de mim que seja super interessante e que ‘marque’ as pessoas? Qual é a minha marca? Falei qualquer bobagem lá na frente e tenho certeza que carisma não é um dos meus atributos. Muito menos o autoconhecimento… rs

Outro fator que caracteriza uma boa marca é a capacidade de ela ser reconhecida em qualquer lugar do mundo sem que as pessoas precisem entender exatamente o que está escrito. Simplesmente por ser inesquecível e ‘marcante’ (como deveria ter sido a apresentação de cada um na aula). E isso é o que todos nós buscamos na vida, não?  Deixarmos nossa marca, seja ela qual for, por onde passamos. E, gente, isso é muito surreal! Dá um certo desespero pensar uma pessoa como um produto (e um pouco capitalista também), mas tem muito a ver! Tem gente que, de primeira, parece versátil, mas depois você vai vendo que, na verdade, o é demais. E aí não dá pra conhecer a pessoa porque ela muda toda hora. Imagina se essa pessoa fosse um produto. Não dá pra se fidelizar com alguém assim. Incomoda. Sério, tem muitas semelhanças.

Depois de pensar um pouco sobre este conflito bizarro, acho que o importante é você ter a mínima noção saber como os outros te percebem pra poder analisar se sua imagem está condizente com a sua identidade (#RPfeelings). E, claro, em se tratando de humanos, círculos sociais e relacionamentos, isso leva um tempo e exige feedbacks naturais. E, apesar de tudo que possa influenciar a impressão que você causa em alguém, como a situação, o local, seu estado de ânimo, o outro, etc, o essencial é manter sua marca aqui, na China, no céu e no inferno porque, né, Coca-Cola é boa porque é boa igual em todo lugar. E o resto, bota tudo dentro de um saco e tenta adivinhar qual é qual. Impossível. Nem todo refri nasce Coca-Cola. Sempre tem as Pepsi se esforçando por aí…

aposto que você sabe ler o que está escrito aí.

Por May.

Anúncios

»

  1. hahahahahaha
    uhuuuuuu!!!! jesus, eu tava abandonada aqui, mana.
    adorei. cara, é difícil.
    mas vc é essa coca-cola toda, viu. eu, que to 24hx7 contigo que sei. :)
    e assim fica bem mais fácil dizer “não, obrigada”, às Pepsis da vida…rs

    • nat, tb tava com saudades de mim por aqui, sabia? e ver comentários de gente tão querida, certamente me fará voltar a escrever com mais frequencia. gracias.

  2. Gente, morri com o comentário do Caio: “Escrever é igual Cerveja. Sempre é bom, pra ficar pensando melhor..”
    Hahahhahahah

    Pra mim, vc tem uma marca que é só sua: me fazer pensar e rir ao mesmo tempo.
    :)

  3. Muito, muito, muito bom e interessante!
    Certamente irei compartilhar o seu post com os meus colegas da Pós.

    To aqui pensando em como eu me apresentaria…Que difícil!

    E meu, ter que se apresentar para uma galera + uma câmera, ainda por cima falando em Catalão, é um desafio que só “marcas fortes” dão conta… ;)

    Congrats, hun!
    Miss u so bad.

    • compartilhe, flá!!! e ó, pera lá, a apresentação não foi em catalão, mas sim em castelhano. :) e se a minha marca é forte, diria que a sua é, sei lá… o que é muito mais forte que forte?

  4. Ok, vou compartilhar uma pérola lembrada por Denise no jantar de ontem:
    “Gente, lembra quando a Max e eu levantamos no meio da aula de Tânia pra ir fazer as unhas? Pegamos nossas bolsas, levantamos e estávamos saindo da sala quando a Tânia perguntou ‘aonde vcs vão?’. A Max, sem dó respondeu – estamos indo à manicure.”

    Se isso não é uma coca-cola, meu bem, não sei o que é então!!!!

    Bjo e saudades!!!

    • hhahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha
      verdade! MORTE. hahahahahahahahahahahahahahahahaha
      ri alto agora aqui. hahahahahahahahahahahahahahahahahaha
      definir prioridades, sim, sempre foi um atributo meu. hahahaha

  5. Hahaahhahaahaha pior q eu lembrei disso msm, alias vc e Coisa lindas sao lembradas tds as vezes em nossas conversas, e da-lhe marca pra vcs 2! hahahah
    Te amooo coca-cola.

  6. huahauhauhauahuahauhauahuhauhauhuahuahauhauhauahuahuahauhauhau
    huahuahuahuahuahuahuahauhauhauhauahuhauahuahuahuahuahauhauhaua
    sem mais, gente. a gente que sabe o quanto marca e é marcada por vcs.
    huahuahuahuaha
    morri.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s