Isn’t it ironic?

Padrão

Não. Não voltei aos meus 13 anos, quando colocava essa música no repeat e tentava fazer todas as caretas da Alanis (garanto que nunca tentei alcançar os tons de voz da moça) em frente ao espelho, reproduzindo um dos clips mais simples e geniais de todos os tempos. Apenas essa frase não saiu da minha cabeça durante toda essa semana.

Sabe quando você acha que o mundo não pode dar mais voltas? Aí, não mais que de repente, voilà: é apenas uma terça-feira, 3 de junho, Livraria Cultura do Market Place. O plano era participar de um evento cultural gratuito e saber mais sobre um dos meus escritores preferidos, Machado de Assis. A ocasião prometia! Afinal, comemorar o centenário de morte do cara só aconteceria uma vez.

Chegando ao shopping, a dúvida: Torre I? Torre II? Estacionamento térreo? Subsolo? Tudo isso passou pela minha cabeça em, tipo, 5 segundos, na frente de quatro opções de entrada, o que foi suficiente pra levar aquela buzinada (que não tinha duplo toque simpático!). O ligeirinho passou e já lá embaixo, na catraca, vi que na verdade era uma ligeirinha; mais preocupada em ver quem era a motorista que a tinha atrapalhado lá na entrada do que em pegar o ticket. Ai, que vontade de retribuir a simpatia. Sorri em resposta, claro. Porque sei que nada mais irrita uma pessoa brava do que ver alguém de bom humor. Isn’t it ironic?

Arranjei uma vaga melhor que a dela (preciso repetir o título do post?) e fui direto pra Livraria, só dar uma olhadinha nas estantes. Mais uma vez, voilà: deixei o estabelecimento com menos dois DVDs e um CD (que tive que encomendar!).

Saí, comi um pão de queijo e tomei o mate com leite de que tanto gosto. Estava devidamente alimentada, abastecida de novas mídias e pronta pra guardar um lugar pra mim e pra única pessoa que toparia esse passeio com o mesmo entusiasmo que eu. Eis que, ao voltar pro auditório onde o evento aconteceria (tcha-ram!): apenas uma pessoa presente! O próprio palestrante. Visivelmente desconfortável e botando a boca no trombone reclamando da organização do evento, começamos uma conversa, nós três, sobre qualquer coisa. Hábitos de leitura, trânsito, saneamento básico, profissões e, claro, a falta de participantes.

Considerando a possibilidade de sair chamando as pessoas para saberem mais sobre Machado, cheguei até a me levantar e…bem…e só abrir a porta do auditório pra ver se mais alguém topava o evento cultural (ah, é gratuito!). Entraram mais uma cinco pessoas: uma médica, uma professora de uns 60 anos em forma de paquita, uma amiga dela e (voilà!) uma mulher acompanhada da dona ligeirinha (dessa vez em velocidade normal)! Há. ISN’T IT IRONIC!?

Foi a glória! Mais desconfortável que o palestrante, a ligeirinha olhou pra mim e fingiu que não viu. Cadê minha buzina nessa hora?!?! Tive que me segurar pra não irromper em risada. Essas situações realmente me divertem! Apenas dei meu sorrisinho, dessa vez mostrando mais dentes. Quem sabe ela também não veria graça naquilo tudo e talvez não pensasse, como eu: isn’t it ironic? Yeah, baby. It is!

Devidamente vingada, prestei atenção às ironias de Machado. Negro, franzino, epiléptico e funcionário público. Nunca saiu do estado do Rio de Janeiro e escreveu em um livro (Memórias Póstumas de Brás Cubas, meu preferido) uma diversidade de palavras maior do que a média de palavras diferentes que uma pessoa de inteligência e formação normal usa em toda sua vida (é! assim: cada pessoa fala cerca de cinco a seis mil palavras diferentes durante toda sua vida. Ele usou mais que isso em apenas um livro!).

Saí de lá e fui comprar fio dental nas Lojas Americanas. Entre mil modelos de escovas, enxagüatórios bucais e pastas de dentes, não havia um exemplar do produto que eu queria. Segundo a caixa: “Tem, mas acabou. Está em falta!”. Ahn?!

Se você tiver uma maneira mais original de terminar esse post, compartilhe! Eu só consigo dizer: isn’t it all sooooooooo ironic!?

Por Má-Má.

Uma resposta »

  1. Yeah, baby.. I agree!!

    Muchas cosas ironicas acontecendo lately….

    besos
    kisses
    Love love love…

    Sugestão pra terminar o post: coloque umas palavras novas aí pra gente aumentar o vocabulário!! rsrs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s